A relação entre a Gravidez e o Trabalho

Na gravidez, qual o melhor momento para entrar de licença e parar de trabalhar?

Foi-se o tempo em que as mulheres eram única e exclusivamente responsáveis pelo lar. Hoje elas são muito mais dinâmicas: cuidam do lar, fazem compras, cuidam da beleza e trabalham muito!

Com toda essa versatilidade, algumas mulheres quando engravidam ficam com dúvidas sobre o momento certo de parar de trabalhar. Qual seria o período ideal em que o bebê não seja prejudicado pelo trabalho e também que a mulher não fique “queimada” na empresa?

O indicado é a mulher parar de trabalhar 4 semanas antes do momento de trabalho de parto e voltar após 12 semanas. Mas a realidade é que não existe um “melhor momento” e cada mulher tem um desenvolvimento único, um tempo que é só dela, e a melhor pessoa para analisar sobre a segurança de trabalhar na gravidez, além da própria mulher, é o médico.

Isso porque a estabilidade gravidez em que a mulher se encontra pode ser analisada pelo médico durante o pré natal. Se a gravidez correr naturalmente, e o trabalho não for de uma natureza muito pesada, a mulher, sentindo-se segura e confortável, pode trabalhar até o dia do nascimento da criança - se assim desejar.

A licença maternidade, pela lei vigente, garante à trabalhadora uma ausência de quatro meses do seu local de trabalho para amamentação e aumento do vínculo afetivo entre mãe e filho. Porém, muitas gestantes negociam este período com seus chefes para que se encontre uma boa saída tanto para a mulher quanto para a empresa.

Em casos de problemas na gravidez ou gravidez de risco, o médico pode aplicar uma ordem imediata de afastamento para o tratamento e recuperação da gestante.

Converse com seu chefe. Discuta as possibilidades e quais expectativas e empresa tem de você. Mas lembre-se que não é recomendado para qualquer mulher trabalhar até o moemnto do trabalho de parto. Existem ainda muitas coisas a serem resolvidas até o nascimento do bebê.

Gravidez no trabalho

A Gestante tem estabilidade garantida em seu trabalho e não pode ser despedida sem justa causa enquanto estiver grávida.

Estou grávida. O que devo fazer?

Você descobriu que está grávida e não sabe como falar isso ao seu chefe ou à sua empresa. O procedimento é o seguinte: você tem a obrigação de informar a empresa da gravidez. Para isso, leve uma cópia do exame de gravidez para comprovação. Quando entregar o exame, você deve pedir um documento ou protocolo comprovando que a empresa está ciente da gravidez. O documento deve ter a data e nome do funcionário que recebeu o exame.

Deste momento em diante a empresa não pode mais te demitir sem justa causa. Mas ela ainda pode demitir por justa causa. Essa estabilidade começa no momento do aviso e vai até o fim da licença maternidade, ou seja, após 120 dias do nascimento do bebê.

celebrando_a_vida_google

Baixe GRÁTIS Um Livro Sobre Gravidez

Livro responde todas as suas dúvidas sobre a gravidez, o parto e o pós-parto que surgem nesta etapa tão importante da sua vida!

Pronto! Agora confira o link enviado em seu email! Confira também a caixa de spam.

Deixe um comentário

celebrando_a_vida_google

Baixe GRÁTIS Um Livro Sobre Gravidez

Livro responde todas as suas dúvidas sobre a gravidez, o parto e o pós-parto que surgem nesta etapa tão importante da sua vida!

Pronto! Agora confira o link enviado em seu email! Confira também a caixa de spam.