Drogas causam infertilidade

Drogas: Mais um malefício foi comprovado pela ciência, elas podem trazer a infertilidade, ainda que o consumo seja esporádico. Entram na lista de drogas que complicam a capacidade reprodutora das pessoas as consideradas "leves" como maconha, tabaco, álcool, anabolizantes e até mesmo algumas drogas prescritas.

As drogas são responsáveis pela maioria dos casos em que a investigação da infertilidade se mostra complexa. Até mesmo medicamentos para depressão e pressão alta oferecem riscos aos pacientes, indo além da perda de libido. Eles podem reduzir a quantidade de espermas, gerar problemas de ereção e desregular a menstruação.

Como as drogas causam a infertilidade:

Álcool - Compromete o sistema reprodutor de homens e mulheres. Muita bebida alcoólica causa desequilíbrio hormonal, afetando produção de esperma e ovulação. Em mulheres, o álcool pode causar também defeitos na fase lútea, anovulação e amenorréia. Nos homens, redução drástica na quantidade e na qualidade de esperma".

Tabaco - O cigarro oferece diversos riscos durante a gestação.O tabaco reduz drasticamente as chances de um casal ter filhos, comprometendo a quantidade e a qualidade do esperma. Mulheres fumantes também costumam apresentar mais problemas de abortos espontâneos.

Maconha - A maconha afeta o sistema reprodutor de seus usuários, resultando em baixa na quantidade de esperma e redução do volume de sêmen. Os espermatozóides que conseguem entrar no canal vaginal tendem a perder força antes mesmo de se aproximarem do óvulo, resultando na incapacidade de fecundação.

Cocaína, heroína, crack e ecstasy - São drogas que podem levar à infertilidade permanente, se usadas por tempo prolongado. No homens, costumam reduzir a libido, aumentar o número de espermatozóides defeituosos e levar à baixa contagem de espermas. Nas mulheres, as drogas podem resultar em disfunção ovulatória, irregularidades menstruais e diminuir a reserva ovariana, comprometendo seriamente a capacidade de engravidar.

Anabolizantes - Outra driga que pode afetar a fertilidade permanentemente. Além da disfunção erétil e da atrofia dos testículos, o uso de anabolizantes pode diminuir a produção de esperma e aumentar a quantidade de espermatozóides defeituosos. Nas mulheres, além de ganhar traços masculinos, os esteróides podem interferir na ovulação e interromper a menstruação".

celebrando_a_vida_google

Baixe GRÁTIS Um Livro Sobre Gravidez

Livro responde todas as suas dúvidas sobre a gravidez, o parto e o pós-parto que surgem nesta etapa tão importante da sua vida!

Pronto! Agora confira o link enviado em seu email! Confira também a caixa de spam.

Deixe um comentário

celebrando_a_vida_google

Baixe GRÁTIS Um Livro Sobre Gravidez

Livro responde todas as suas dúvidas sobre a gravidez, o parto e o pós-parto que surgem nesta etapa tão importante da sua vida!

Pronto! Agora confira o link enviado em seu email! Confira também a caixa de spam.