Histerossalpingografia

Histerossalpingografia. Muitas de nós já ouvimos falar nesse nome gigante e complicado, mas não sabemos muito bem do que se trata. Elaboramos um guia para esclarecer as principais e mais recorrentes dúvidas em relação a esse procedimento.

O que é histerossalpingografia?

A histerossalpingografia (ou histerosalpingografia) é um exame feito no útero e nas trompas uterinas e que serve para diagnosticar malformações dos órgãos reprodutores, doenças da cavidade uterina e do interior das trompas.  É indicada principalmente em casos de infertilidade e obstrução de trompas.

Exame histerossalpingografia

O exame de histerossalpingografia consiste em um raio X da cavidade uterina feito com uso de contraste. Ele mapeia a anatomia uterina e avalia a morfologia das tubas uterinas. Por meio desta análise, o médico pode dizer quais as condições dessas estruturas e investigar as possíveis causas de infertilidade na mulher.

Histerossalpingografia

O que é histerossalpingografia?

O exame deve ser realizado entre o 6º e o 12º dias do ciclo menstrual, e até hoje é considerado uma das melhores formar de avaliar detalhadamente as trompas e o canal da entrada do útero, além da própria cavidade uterina.

Histerossalpingografia e gravidez

A histerossalpingografia não pode ser feita se existir a possibilidade da mulher estar grávida. Ele pode ser prejudicial à saúde do feto.

Pelo exame, é possível descobrir também possíveis alterações morfológicas congênitas do útero, sinéquias uterinas (aderências dentro da cavidade uterina) e tumores intrauterinos. Mulheres que possuem histórico de abortos de repetição, doença inflamatória pélvica crônica e miomatose também costumam ser indicadas para a realização do procedimento.

Histerossalpingografia dói?

É muito comum ouvir mulheres simplesmente apavoradas apenas com a possibilidade de precisar passar pela histerossalpingografia, e elas tem razão de certa forma.

Quando realizada com equipamentos sem qualidade, ou por profissionais despreparados, a histerossalpingografia pode ser realmente dolorosa e bastante desconfortável. O contraste também deve ser aquecido previamente, para evitar a contração uterina que também pode causar dor no momento do exame.

Histerossalpingografia ajuda a engravidar?

Histerossalpingografia ajuda engravidar? Há relatos de mulheres que conseguem engravidar imediatamente após a realização deste exame, por conta do "desentupimento" das trompas.

Histerossalpingografia

Exame de histerossalpingografia

Quando há uma pequena obstrução das trompas, pode ocorrer de fato. Mas é importante saber que este não é exatamente o foco do exame, que tem como objetivo encontrar possíveis alterações anatômicas ou funcionais que podem atrapalhar a chegada de uma gestação.

Histerossalpingografia onde fazer

É importante encontrar um bom laboratório, conceituado e conhecido, para que o exame seja feito por médicos experientes e com equipamentos de qualidade. Nessas situações, a dor é mínima ou nula, e os resultados são confiáveis, podendo ajudar corretamente seu ginecologista a identificar quaisquer problemas.

12 comentários
  1. Posted by Tatiane
  2. Posted by michelle
  3. Posted by aneilda
  4. Posted by Priscila
  5. Posted by SIMONE
  6. Posted by Mariana
  7. Posted by sandra
  8. Posted by ingrud
  9. Posted by Katia Souza
  10. Posted by HELEN
  11. Posted by Márcia
  12. Posted by MARIA EDNA GONÇALVES DA CONCEIÇÃO

Deixe um comentário