Menopausa

Menopausa é o período fisiológico em que a mulher encerra os ciclos menstruais e ovulatórios. É um momento geralmente difícil para a mulher e nunca se sabe, ao certo, quando vai começar, tendo em vista que a menopausa se manifesta com idade variável, mas apesar de existir a menopausa precoce, as chances apontam para que ela comece, normalmente, entre os 45 e 50 anos. Neste artigo vamos dar “uma geral” no assunto, passando claro, pelos sintomas da menopausa.

Menopausa

A menopausa é um processo natural do corpo da mulher e não deve ser tratado como uma doença. Ela ocorre quando os ovários gradualmente, com o avanço da idade, deixam de produzir estrógenos, diminuindo a capacidade reprodutiva.

O que são Estrógenos ?

O Estrógeno é um hormônio que aparece na mulher durante a adolescência. Ele que é o responsável pelo aparecimento dos sinais sexuais secundários na mulher, e vai até a menopausa. A falta do estrogênio que causa as ondas de calor em cerca de 75 a 80 % das mulheres.

O estrógeno induz as células de muitos locais do organismo, a proliferar, isto é, a aumentar em número. Por exemplo, a musculatura lisa do útero, aumenta tanto que o órgão, após a puberdade, chega a duplicar ou, mesmo, a triplicar de tamanho. O estrogênio também provoca o aumento da vagina e o desenvolvimento dos lábios que a circundam, faz o púbis se cobrir de pêlos, os quadris se alargarem e o estreito pélvico assumir a forma ovóide, em vez de afunilada como no homem; provoca o desenvolvimento das mamas e a proliferação dos seus elementos glandulares, e, finalmente, leva o tecido adiposo a concentrar-se, na mulher, em áreas como os quadris e coxas, dando-lhes o arredondamento típico do sexo. Em resumo, todas as características que distinguem a mulher do homem são devido ao estrogênio e a razão básica para o desenvolvimento dessas características é o estímulo à proliferação dos elementos celulares em certas regiões do corpo.

Voltando á Menopausa... Com o organismo adaptando-se aos níveis variáveis dos hormônios, temos os chamados sintomas da menopausa, que vão surgindo em graus variados, como nas ondas de calor e palpitações, aumento da depressão, ansiedade, irritabilidade, variações de humor e falta de concentração e, finalmente, sintomas de atrofia, como secura vaginal e urgência na urinação.

Além desses sintomas, a mulher também pode apresentar ciclos menstruais cada vez mais espaçados, escassos e irregulares até, finalmente, findar.

Uma mulher é considerada na menopausa quando apresenta ausência de ciclos menstruais há mais de um ano. Mas há também a menopausa cirúrgica, que ocorre após a retirada dos ovários ou do útero.

Literalmente, a palavra menopausa significa “interrupção do mês”, uma referência grega ao ciclo menstrual. Na palavra temos do grego m?n (mês) e paûsis (interrupção, pausa). Por isso o correto seria dizer que a Menopausa é apenas a última menstruação da mulher. Mas popularmente costumamos chamar de menopausa todo o processo gradativo de diminuição de hormonios e sintomas que envolvem a menopausa, que leva normalmente cerca de um ano (mas pode durar, em alguns casos, até mais de cinco anos ). O nome correto de todo esse processo é Climatério.

Idade Menopausa

O início comum da menopausa se dá por volta dos 50 anos, mas algumas mulheres entram na menopausa numa idade menor, especialmente se elas sofreram algum tipo de câncer ou outra doença séria em que houve uso de quimioterapia.

Menopausa Precoce

A menopausa prematura, também chamada de falência prematura dos ovários, é aquela que ocorre em mulheres com menos de 40 anos. Isso acontece com cerca de 1% das mulheres.

As causas de menopausa prematura incluem doença auto-imune, doenças na tireóide, e Diabete Mellitus. A menopausa prematura é diagnosticada medindo-se os níveis de FSH (do inglês: follicle stimulating hormone - hormônio folículo-estimulante) e do LH (do inglês: luteinizing hormone - hormônio luteinizante) - os níveis desses hormônios serão mais altos se a menopausa ocorre.

Índices de incidência de menopausa prematura elevados foram encontrados em casos de gêmeas idênticas e fraternas: aproximadamente 5% delas são afetadas pela menopausa precoce antes dos 40 anos de idade. Não se sabe ao certo porque isso ocorre. Mas nesses casos, quando a mulher quer retomar sua fertilidade, transplantes do tecido do ovariano entre gêmeas idênticas tiveram êxito no restabelecimento da fertilidade.

celebrando_a_vida_google

Baixe GRÁTIS Um Livro Sobre Gravidez

Livro responde todas as suas dúvidas sobre a gravidez, o parto e o pós-parto que surgem nesta etapa tão importante da sua vida!

Pronto! Agora confira o link enviado em seu email! Confira também a caixa de spam.

Deixe um comentário

celebrando_a_vida_google

Baixe GRÁTIS Um Livro Sobre Gravidez

Livro responde todas as suas dúvidas sobre a gravidez, o parto e o pós-parto que surgem nesta etapa tão importante da sua vida!

Pronto! Agora confira o link enviado em seu email! Confira também a caixa de spam.