Principais erros alimentares na gravidez

Apesar de todos os cuidados que a mulher toma quando descobre que está grávida, muitas vezes a alimentação acaba sendo a parte que recebe menos atenção na nova rotina da mamãe. A correta alimentação na gravidez é muito importante para a saúde da mulher e também do feto.

O que não pode comer na gravidez

Afinal, como cuidar corretamente da alimentação na gravidez? O que uma grávida pode comer? O que uma grávida não pode comer? O que faz mal para a mamãe e para o bebê?

"Uma mulher grávida pode tomar coca cola"? "Grávida pode comer chocolate e tomar café"? "Quais são os alimentos proibidos na gravidez"? Essas e muitas perguntas são comuns nesse período, e com toda a razão, pois sabemos que uma alimentação errada por prejudicar o bebê em diferentes níveis.

Principais erros alimentares na gravidez

Evite alguns alimentos e fique saudável durante a gravidez

O chocolate pode provocar cólicas no recém-nascido, mas não prejudica o feto. Portanto, durante a gestação o chocolate é liberado, mas com cautela, pois é um alimento que contém açúcar e gordura. Porém, o chocolate é proibido durante a amamentação.

Tanto a Coca Cola na gravidez quanto outros refrigerantes, assim como o café na gravidez, devem ser ingeridos com muita moderação. A gestante não pode abusar do café porque ele diminui a absorção de cálcio no organismo, e por conta dos componentes artificiais e do açúcar e sódio existentes nos refrigerantes, eles também devem ser consumidos em poucas quantidades.

Chás costumam ser relaxantes e agradáveis para as futuras mamães, mas cuidado! Chá preto, chá verde e chá branco, chá de canela e chá de cravo-da-índia devem ser abolidos. O chá preto tem altas doses de cafeína, além de causar prisão de ventre e redução do apetite. Os chás branco e verde aceleram o metabolismo, e também não devem ser consumidos pelas grávidas. O chá de canela e o chá de cravo-da-índia são relaxantes mas podem causar complicações, chegando até a serem abortivos se consumidos no primeiro trimestre da gravidez. O chá mate também deve ser evitado, pois prejudica a absorção de nutrientes importantes para o desenvolvimento do bebê.

E o álcool na gravidez? Pode ou não pode? A sua liberação e contra-indicação é controversa, sendo terminantemente proibido por alguns médicos e liberado em pequenas quantidades por outros. Entre beber e não beber, o ideal é que a grávida opte por não ingerir bebidas alcoólicas durante toda gestação e amamentação.

Evite ao máximo o sal na gravidez! Sal em excesso é prejudicial em todos os momentos da vida, mas principalmente durante a gestação, pois a pressão alta pode ser muito perigosa principalmente na hora do parto. Experimente temperar e preparar os alimentos com pouco sal, e capriche nas ervas secas como manjericão, orégano, tomilho, alecrim e coentro. Evite também alimentos enlatados, embutidos e defumados que são ricos em sódio.

E finalmente, modere nas guloseimas! Cuidado com o consumo de sorvetes, doces, bolos, pudins e geléias, manteiga, molhos prontos para salada ou a base de queijo, queijos amarelos, frios (salame, mortadela, presunto, etc), creme de leite, biscoitos e outros alimentos doces ou gordurosos. Eles são excessivamente energéticos e calóricos.

28 comentários
  1. Posted by luciano rodrigues de souza
  2. Posted by Iris
  3. Posted by Carol
  4. Posted by Carol
  5. Posted by Mara
  6. Posted by renata
  7. Posted by Liziane
  8. Posted by Feranda
  9. Posted by Daniele
  10. Posted by regina martinez
  11. Posted by Claudia
  12. Posted by Elaine
  13. Posted by regina
  14. Posted by regina
  15. Posted by Léia Martins
  16. Posted by liiane
  17. Posted by Eline
  18. Posted by Fernanda
  19. Posted by Kyssya
  20. Posted by poliene
  21. Posted by Regiane
  22. Posted by fatima dias
  23. Posted by isabela
  24. Posted by Andreia
  25. Posted by Walter Krause Neto
  26. Posted by Sara
  27. Posted by Danilo
  28. Posted by thais

Deixe um comentário